Pedra na vesícula? Quando suspeitar.

Cálculos Biliares ou Pedras na Vesícula, como são conhecidos, são calcificações que acontecem pelo desequilíbrio na composição da bile.

Eles são formados pelo excesso de substâncias como o colesterol e sais biliares que em conjunto com a lentidão no esvaziamento da vesícula biliar se formam no interior do órgão.

Fato é que a maioria dos pacientes com esse tipo de cálculo são assintomáticos, porém 20 a 30% deles irão desenvolver sinais ao longo da vida e apresentar certo grau de complicação.

E é justamente por não apresentar sintomas tão visíveis que muitas pessoas se perguntam quando devem suspeitar da presença de cálculos.

➡A principal reclamação dos sintomáticos é a cólica no lado direito superior do abdômen e que acontece sempre quando os alimentos acabam sendo consumidos. Náuseas e vômitos também podem acontecer nesse período. A dor é de forte intensidade e pode durar horas.

Se você vem notando que dores como a descrita acima estão acontecendo com frequência e sempre que um alimento é consumido não deixe de procurar orientação médica.

Um diagnóstico preciso é importante para evitar que complicações mais graves aconteçam como a obstrução dos canais biliares, inflamação aguda da vesícula e a migração do cálculo levando a quadros de inflamação grave do pâncreas, o que pode levar a morte em questão de semanas.

🔸Lembre-se: Pedra na vesícula é um diagnóstico médico e deve ser sempre acompanhado por um cirurgião. Não existem medicações ou chás que resolvam o problema. O tratamento é unicamente cirúrgico.

Menu